Após acordo firmado entre a Procuradoria Regional da Educação, o Sinprosm e a Smed, durante a última reunião entre as três entidades ocorrida semana passada, a Prefeitura Municipal decidiu encaminhar à Câmara de Vereadores um Projeto de Lei que prorroga os contratos emergenciais de professores até dezembro, último mês do ano letivo. O objetivo é garantir que os alunos da rede municipal não tenham prejuízo frente à demora para contratação via concurso público.

A chamada dos selecionados do Concurso Público está a cargo da Secretaria de Município de Gestão, que ainda não se manifestou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *