Hoje é dia de Greve Geral!

Centenas de trabalhadores e trabalhadoras de Santa Maria estão em greve geral nesta sexta-feira (28). A iniciativa é um enfrentamento às reformas da previdência e trabalhista propostas pelo governo de Michel Temer (PMDB). Em todo o Brasil, milhares de trabalhadores organizam a greve desde a madrugada de hoje. As manifestações seguem durante todo o dia.
Aqui em Santa Maria, até o momento, 65 escolas do município aderiram à greve geral. Os atos são vários e ocorrem ao mesmo tempo, em diversos locais da cidade.
 

Agenda da Greve Geral

 

4h – Manifestantes se reúnem e iniciam as mobilizações para o dia. Neste horário, iniciou o bloqueio em frente à Expresso Medianeira. O bloqueio seguiu até a tarde.
6h30 – Professores, estudantes e técnico-administrativos realizam manifestação na Avenida Roraima, campus da UFSM em Camobi.
7h30 – Bloqueio com queima de pneus durante a manhã na BR 287.
8h – Concentração na praça Saldanha Marinho e no calçadão para panfletagem ao longo da manhã. Os manifestantes bloquearam a Avenida Rio Branco, entregando panfletos e sensibilizando a população sobre a greve. Também foram bloqueadas as ruas Andradas e Venâncio. Hoje à tarde, seguem bloqueadas Venâncio e Rio Branco.
15h – Trancamento do prédio da Antiga Reitoria da UFSM (Rua Floriano Peixoto). Trancamento, também, na Justiça Eleitoral, ao lado do Ministério Público e do Fórum de Santa Maria.
15h30 – Frente Combativa em Defesa do Serviço Público terá novamente a banca do ‘aposentômetro’, que vem sendo desenvolvida desde terça-feira. O ‘aposentômetro’ é uma ferramenta que permite calcular quanto tempo para a aposentadoria, caso seja aprovada a reforma da previdência.
16h- Ato público, com marcha pelas ruas centrais da cidade, sendo a concentração inicial na praça Saldanha Marinho.

 

 

Sindicatos que estão participando da greve geral (Santa Maria)

– Sinprosm

– Sinpro

– Ceprs

– Seção Sindical dos Docentes da UFSM (Sedufsm)

– Associação dos Servidores da UFSM (Assufsm)

– Sindicato dos Trabalhadores e Condutores de Veículos Rodoviários (Sitracover)

– Sindicato dos Bancários

– Sindicato dos Trabalhadores em Correios e Telégrafos (Sintect)

– Sindicato dos Comerciários

– Sindicato dos Metalúrgicos

Sindicato dos Trabalhadores em Edifícios e Condomínios Residenciais

– Sindicato dos Técnicos-Científicos do Rio Grande do Sul (SINTERGS)

 

 

Também participam:

– Frente Combativa em Defesa do Serviço Público

– Frente Brasil Popular

–  CUT

– CSP-Conlutas

– Força Sindical

– CTB

– Levante Popular da Juventude

– Movimentos independentes, auto-organizados e diretórios acadêmicos das faculdades e universidade de Santa Maria.

 

Foto: Frente Combativa em Defesa do Serviço Público 

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>