NOTA: Atraso no pagamento de suplementações

A coordenação do Sinprosm foi contatada por inúmeros professores, nesta terça-feira (30), sobre o não pagamento na folha da Prefeitura depositada hoje dos valores relativos à suplementação de carga horária. A informação repassada pela SMEd, por telefone, é de que um grupo de professores poderá receber o equivalente ao mês de abril em folha suplementar, porém não todos os que deveriam estar recebendo.

O Sinprosm requereu que o pagamento do atrasado seja estendido a todos que trabalharam no período. Também questionou sobre os valores relativos aos meses anteriores, já até o momento não houve pagamento à totalidade dos professores que suplementam desde o início do ano letivo. A administração municipal está avaliando a solicitação.

Não há confirmação do número total de professores nesta situação, porém, com a grande falta de professores na rede e a demora na posse dos novos concursados, o Sinprosm estima que mais de 100 professores estejam com carga horária suplementar.

A entidade considera esta uma falha lamentável e injusta, posto que é direito dos professores receberem pelo total das horas trabalhadas. Na quinta-feira (2) estará em contato com a Secretaria de Gestão e Modernização Administrativa e fica à disposição dos professores para qualquer esclarecimento.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>